Mulheres representam 70% das vendas no mobile commerce

A combinação de portabilidade, conectividade e acessibilidade vem dando aos smartphones um lugar privilegiado no e-commerce brasileiro. No primeiro semestre de 2014, a participação dos dispositivos móveis nas vendas subiu 7% em junho, um crescimento 84% em apenas um ano. E as mulheres são responsáveis por parte deste crescimento.

Uma pesquisa realizada com mais de 6 mil compradores entre os meses de julho e setembro aponta que os principais consumidores são mulheres. Cerca de 70% dos clientes são do sexo feminino e moram predominantemente nos grandes centros urbanos. Os dados apontam também que mais da metade dos compradores (55%) têm entre 25 e 34 anos e são provenientes, em sua maioria, das classes B e C.

Além de comprar mais pela internet através de celulares, as mulheres são mais ativas no chamado “boca-a-boca” na rede, atividade considerada pelos pesquisadores em administração e marketing como uma poderosa ferramenta de disseminação de informações sobre produtos e serviços, com expressivo potencial para incentivar o consumo.

O “boca-a-boca” online pode induzir o consumidor a considerar um produto ou serviço de uma maneira que nenhuma campanha publicitária consegue fazê-lo. Quanto mais intenso o engajamento virtual, no sentido de mais postagens, comentários positivos no Facebook, retuítes, encaminhamento de e-mails, maior será o consumo.

Num mercado a cada dia mais competitivo, a WK3 agência de marketing e publicidade está sempre de olho nas tendências que mais atraem cada público, por isso desenvolve estratégias de marketing personalizadas que visam atrair e conquistar nichos específicos no mundo digital. Conte com a experiência da WK3 e fique em evidência!

Fonte: Proxxima / Varejista.Com / Ecommerce Brasil