Ecommerce apresenta crescimento em 2013

Segundo a e-bit, empresa especializada em informações do comércio eletrônico, o ecommerce brasileiro deve crescer 25% em 2013, apresentando um faturamento de R$ 28 bilhões.

Devido à aceleração da venda de dispositivos móveis como tablets e smartphones e o crescimento econômico, a tendência é que o ecommerce apresente resultados superiores a 2012.

“A cada ano vemos maior adesão dos brasileiros a dispositivos móveis devido à redução dos preços dos produtos, conforme mostra o índice FIPE Buscapé, e pela maior oferta de pacotes de banda larga com valores mais acessíveis. Somente em 2012 a queda de preços dos celulares em comparação a 2011 foi de -13,41%”, explica Cris Rother, diretora de negócios da consultoria.

O surgimento da “nova classe média” ou “classe C” também é um fator importante para bons resultados no ecommerce em 2013. Aproximadamente 56% dos novos consumidores on-line pertencem a essa classe, apesar dos atuais sinais de endividamento, o que por outro lado pode frear o consumo.

Os maiores investimentos no ecommerce foram em categorias chamadas de verticais, como “moda e acessórios”, “artigos esportivos” e “casa e decoração”. “Com o segmento em consolidação e ainda mais competitivo, os grandes varejistas buscarão melhorar a eficiência de suas operações, aumentar a rentabilidade e melhorar a qualidade dos serviços prestados ao consumidor”, afirma o diretor geral da e-bit.

Com o crescimento, aumentará também o número de consumidores para atender e o número de entregas. Naturalmente, serão necessários alguns ajustes no setor e muito cuidado por parte do cliente. Antes de encher o carrinho e fechar a compra, é importante procurar informações e referências da loja em sites de reclamação.

Uma boa fonte são os PROCONs, que possuem uma lista de sites que devem ser evitados. Cobrança indevida, produto com defeito e atraso na entrega são os principais motivos de reclamação de quem se deu mal na internet, uma minoria. Pesquisas indicam que 80% dos consumidores ficaram satisfeitos.